Esqueceu a senha? Sistema antigo
expand Área do Aluno


Publicado em 21/05/2008 por Zonaalvo Assessoria Esportiva

Ironman Brasil: está chegando a hora…

Você treinou, se preparou, seguiu da melhor maneira possível sua planilha e agora o destino é um só: Florianópolis, Jurerê Internacional, 25 de maio de 2008. A festa está chegando! E com a antecedência (toda véspera de festa dá esse friozinho na barriga), além dos questionamentos, dúvidas e ansiedade, vem um certo ritual de preparação na semana pré-Iron.

Como se preparar para um prova dessas? O que fazer nos dias que antecedem a prova? Como garantir um sono tranqüilo? (os veteranos estão rindo agora) Como garantir que no dia da prova você colha os frutos desses meses todos de dedicação quase exclusiva?

Se você é marinheiro de primeira viagem, é uma boa idéia pegar dicas com seus colegas veteranos. Mas atenção! Procure aqueles que têm um “perfil psicológico” parecido com o seu: se você é do tipo mais organizado, mais tranquilão, gosta de fazer as coisas com calma e com tempo, pegue dicas com pessoas que se comportem parecido com você.

Se você é do tipo mais agitado, gosta da badalação, gosta de fazer várias coisas ao mesmo tempo, procure colegas que atuem de forma parecida.

Olhar para trás também é um bom negócio. Se você tem o hábito de anotar tudo o que você fez nos treinos anteriores, observe o que deu certo para você: que tipo de alimentação funcionou? Que bebidas te hidratam melhor? De quanto em quanto tempo é bom para você se alimentar e se hidratar? O que você costuma comer no café da manhã? Que roupa de treino você se sente bem? Que tênis é confortável para você?

A maioria já sabe disso, mas vale sempre relembrar: Ironman não é o momento de experimentar novos equipamentos. Sei que a maioria guarda “aquele” tênis para estrear no Iron. Ou o macaquinho/uniforme de competição, ou a roupa de borracha nova, e até equipamentos da bike que nunca foram testados seriamente antes. MUITO CUIDADO!

Use (e não apenas teste) TODOS os materiais que você vai usar no Iron. Talvez não dê mais tempo de fazer aquele treino longo com o tênis que você escolheu para competir. Mas, então use e abuse dele até lá, e claro, deixe seu velho companheiro de guerra (o tênis velho) dentro do seu special needs dos 21 km.

Mantenha o que você vem fazendo e vem dando certo. Pergunte à qualquer veterano e ele vai lhe dizer isso mesmo. Ingira os mesmos alimentos e se hidrate com o que você está acostumado. Deixe para experimentar coisas diferentes durante o treino para o Ironman do ano que vem. Seu corpo está acostumado a certas coisas e precisa se sentir o mais confortável possível. Fazer aquilo que ele reconhece (desde alimentação, até o formato e peso do seu equipamento – isso inclui as vestimentas).

Outra coisa importante: crie uma boa estratégia de alimentação/hidratação, escreva em um micro papel e cole na sua bike. Isso vai ajudar você a manter-se bem, e com a mente ocupada naquilo que realmente importa em uma prova como essa: você. Já é sabido que esta prova depende totalmente de uma boa estratégia de alimentação e hidratação. Converse com seu treinador e nutricionista sobre isso.

Alguns atletas com os quais trabalhei, e bastante experientes, gostam de trocar a meia nos 21 da corrida. Segundo eles, faz toda a diferença na reta final. Vale acrescentar na sacola.

No sábado, dia anterior, procure já acordar bem cedo, se hidratar e se alimentar bem, ficar mais tranqüilo, e fazer coisas que você está acostumado (dentro do possível, já que a maioria não está em casa). Não vá pra cama cedo demais (a não ser que você esteja realmente com sono), mas vá mais ou menos no horário normal. É preferível você deitar na cama e dormir do que ficar rolando de um lado pro outro sem sono.

Caso você fique rolando de um lado pro outro sem sono, ai vai uma dica: ao invés de ficar pensando que você tem que dormir, ou pensando na prova do dia seguinte, comece a imaginar uma luz de relaxamento que começa nos seus pés (e sinta seus pés relaxando) e vai subindo devagar pelas pernas (sinta as pernas relaxando), quadris e lombar (sinta eles relaxando também), costas, abdômen, ombros (isso, sinta os ombros relaxarem), braços, mãos, pescoço, cabeça e todos os músculos dos seu rosto (relaxe todo o seu corpo agora), e dê uma atenção especial para os músculos ao redor do seus olhos, perceba como essa luz de relaxamento solta completamente esses músculos e finalmente, relaxe completamente a sua boca e língua. No final (a maioria na metade) deste relaxamento já estará dormindo. Você pode até gravar esses dizeres em um mp3 e ouvir quando for se deitar.

Durante esta semana, ao pensar na prova, procure concentrar-se em COMO você quer fazer a prova, ou seja, seu ESTADO durante a prova. Certamente você já pensou nos tempo e tal, deixe isso para lá agora. Pense em sua postura, ritmo da respiração, braçadas, posição na bike, passada, do início ao fim da prova. Visualize-se com essas características e fique com isso. Assim você informa para a sua mente exatamente como você quer fazer a prova. O resultado então, vira conseqüência.

Espero ter lembrado de escrever as coisas mais importantes. Desejo a todos uma prova fantástica, cheia de aprendizados e ótimos resultados.

Vejo vocês na linha de chegada!
Daniela Schramm Szenészi

Compartilhe

Deixe o seu comentário

Highslide for Wordpress Plugin