Esqueceu a senha? Sistema antigo
expand Área do Aluno


Publicado em 29/07/2007 por Zonaalvo Assessoria Esportiva

Franck Caldeira surpreende e leva o ouro na Maratona do Pan

O último dia de Jogos Pan-americanas começou dourado para o Brasil, com a impressionante vitória do brasileiro Franck Caldeira, que nos quilômetros finais conseguiu não só tirar a vantagem de mais de 200 metros do atleta da Guatemala, Amado Garcia, como abriu uma boa vantagem para conquistar tranquilo a medalha de ouro na maratona, na manhã deste domingo, no Parque do Flamengo.

Com a conquista, o Brasil consagra-se tricampeão pan-americano na maratona masculina e fecha com ouro a participação do atletismo nestes jogos, que conquistou no total 23 medalhas, sendo 9 de ouro, 5 de prata e 9 de bronze, o melhor desempenho do país até hoje.

Franck comemorou muito a vitória suada e que impressionou o público. Franck ultrapassou o guatemalteco Amado Garcia, que liderava a prova, no km 39, e disparou para a vitória, cruzando a linha de chega após 2h14min03s. Amado Garcia ficou com a prata e Procópio Franco, do México, com o bronze.

Vanderlei Cordeiro parou no Km 35, sem completar o percurso. Após o final da prova Vanderlei conversou com os jornalistas dizendo que sentiu dor na parte de trás da coxa direita.

“Fiz uma prova tática para buscar a medalha, e no início procurei focar no Vanderlei e nos mexicanos, mas a partir do km 21 alterei meu ritmo, para tirar a diferença do líder da prova”, comentou Franck. “Passei por ele no km 39 e senti ali que poderia vencer”, comentou.

Mineiro de Sete Lagoas, Franck ganhou a vaga na maratona após a desistência de Marilson dos Santos, que optou pelos 5.000 m e 10.000 m. Ele tinha o terceiro melhor tempo do Ranking (2h14min05s), após ser o quarto na Maratona de Milão 2006. Ofereceu a vitória à torcida brasileira.

A prova começou às 8h30, em São Conrado, e o venezuelano Jose Alejandro Semprum largou na ponta, seguido pelos guatemaltecos Amado Garcia e Alfredo Arevalo. Já no Arpoador, os corredores da Guatemala assumiram a liderança da prova. Vanderlei Cordeiro, que estava no segundo pelotão, alcançou o primeiro grupo e chegou a liderar a prova no Aterro do Flamengo, mas foi logo superado pelos guatemaltecos.

Quando o pelotão chegou aos Arcos da Lapa, no centro histórico do Rio, Alfredo Arevalo e Amado Garcia, da Guatemala, começaram a abrir distância dos adversários. Já na subida do elevado da Avenida Perimetral, Garcia assumiu a liderança da prova e colocou 200 metros de vantagem. Ainda no elevado, Franck Caldeira aumentou o ritmo e começou a diminuir a distância para o líder da prova. Começou a chover forte. Com o apoio da torcida, o brasileiro mostrou força e conseguiu ultrapassar o guatemalteco, para chegar à vitória.

“A partir do km 35, vi que teria forças de ir à frente, alcançar a ponta e conquistar a medalha de ouro para o Brasil”, afirmou o atleta, treinado por Henrique Viana.

Compartilhe

Deixe o seu comentário

Highslide for Wordpress Plugin